12/08/2010

Adeus primavera!


A primavera estava sendo abraçada pelo outono. As folhas começavam a se desprenderem das árvores uma por uma o chão estava ficando coberto pelo mar de folhas amareladas e secas. O céu azul fosco mesclado com uma cor alaranjada dourada, despedia-se das cores claras e luminosas, com o sol se pondo por trás das montanhas baixas da pequena cidade onde Sophie morara há anos. Da pequena praça onde ela caminhara de mãos dadas com Michael. Via tudo tão perfeito que era um pecado. Tão belo que era triste pensar que era uma despedida. As tardes de outono não eram tão lindas como as de primavera.
O vento leve, considerado uma brisa, passou lento deixando o cheiro doce e enjoativamente agradável das flores, segundos depois outra vez o vento passou, entretanto um pouco mais forte, jogou alguns fios de cabelo de Sophie para trás e os bagunçou, Michael passou a mão firme no cabelo ondulado e macio de Sophie, tentou organizá-lo, mas ficaram tão lindos soltos e bagunçados que ele soltou um minúsculo sorriso para ele, enquanto passava o braço sobre o ombro de sua amada e a puxara para mais perto!
Sophie por si entrelaçou os seus dedos aos dedos de Michael. Enquanto caminhava ela pensava se a felicidade iria além de tudo aquilo que ela vivera nos últimos meses, se era normal ser tão feliz assim, e se um dia isso não iria terminar. Ela pensava em Michael e o quanto ele estava sendo perfeito para ela.

– Um real pelos seus pensamentos. – a voz aveludada firme e rouca de Michael soou entre o silêncio.
Sophie sorriu, olhou para os olhos esverdeados de Michael que naquela tarde estavam puxados para um amarelo meloso.
– Um real é muito pouco pelo o que eu penso. – respondeu ela, calma, a voz suave quase que se vai junto com o vento.
– E em que pensa? – Michael perguntou novamente, a voz trazia uma pontada de curiosidade que se multiplicava cada vez que a resposta de Sophie era adiada.
– Penso em você, e em nossa felicidade. – Sophie sussurrou sorrindo.
Michael sorriu enquanto parava de caminhar, sentou-se sobre o gramado um pouco seco do pequeno parque, e puxou Sophie, que se acomodou no colo quente e grande de Michael, que passou seus braços sobre o corpo de Sophie a mantendo presa e deitada em seu abraço.
– Sabe em que penso agora? – Michael perguntou soltando um sorriso ameno.
– Não, em quê?
– Penso em beijar você. – Ele falou aproximando os lábios quentes e macios aos lábios doces pequenos e delicados de Sophie.
Beijá-la era sentir as nuvens fofas, o hálito quente dela era prazeroso e doce. Enquanto se beijavam Sophie deslizavas as mãos finas e frias no pescoço quente e com poucas curvas de Michael.
Assim que o beijou encerrou, Sophie encolheu-se no abraço de Michael, olhou atentamente para o sol que estava além das montanhas, e admirou as cores perfeitas e fortes que tomavam conta do céu.
Michael deslizou as costas das mãos no rosto liso de Sophie, acomodou a mão no ombro dela e começou a afagar um mexa de cabelo macio.
Sophie, não sabia se a felicidade iria além de tudo aquilo, não sabia se um dia ela iria terminar ou não, mas sabia que estaria com Michael para o resto de sua vida, e isso já era um real motivo para sorrir todos os dias, já que a vida foi grata em lhe dar ele de presente. Grata por cada batida de seu coração que era apenas para Michael, o primeiro e único amor de sua vida!


Gente, não está lá essas maravilhas, escrevi as pressas, porque tenho que ir para o colégio.Esse texto não está em nenhum dos meus livros, estava ouvindo uma música, e me deu vontade de falar sobre a primavera, usei meus personagens, Sophie e Michael, de minha saga: Sonho, Despertar, Lembranças e Desejos, para escrever. Espero que gostem!

Beijos, comentem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©